Estado da Arte: Uso de resultados de avaliações de aprendizagem na formulação de políticas educacionais na América Latina
Tema do mês em Pesquisa e Desenvolvimento
Evaluación

©UNICEF/ECU/2017/Laso

No mês de março de 2020, o Escritório para a América Latina do IIPE UNESCO abordou o tema do uso de avaliações de aprendizagem na formulação de políticas educacionais. A área de Pesquisa e Desenvolvimento apresenta dois produtos que estão relacionados.

 

Publicação

O documento “Uso de resultados de avaliações de aprendizagem na formulação de políticas educacionais na América Latina” descreve de que forma a pesquisa explora a utilização de resultados de exames de aprendizagem como instrumentos para a melhoria da gestão e elaboração de políticas nesse sentido. As sínteses e conclusões facilitam a identificação de temas relevantes para um aprofundamento, com o propósito de reconhecer fatores e dinâmicas que favorecem ou inibem o aproveitamento dos resultados das avaliações de aprendizagem.

A série “Estado da Arte” tem o propósito de oferecer às equipes técnicas dos governos, pesquisadores, docentes e capacitadores documentos que sistematizam e analisam pesquisas sobre determinados temas relevantes para o planejamento e a gestão de políticas educacionais. O objetivo é que esses documentos sirvam como estudos que permitam traduzir o conhecimento acadêmico ao campo da política pública.

 

  Baixe o documento em espanhol "Estado da arte"

 

Evento online

Como parte da série de Eventos IIPE: “Apresentação de Estados da Arte”, Cecilia Galas Taboada e Néstor López conversaram sobre o documento “Uso de resultados de avaliações de aprendizagem na formulação de políticas educacionais na América Latina” e refletiram acerca de debates acadêmicos, tendências e desafios em torno da utilização de resultados de exames de aprendizagem na gestão e elaboração de políticas.

 

 

Data