Direito à educação

Autoridades educacionais da região propõem ações para a inclusão de crianças e adolescentes migrantes da Venezuela

Convocados pelo Escritório para a América Latina do IIPE UNESCO e pelo Escritório Regional para a América Latina e Caribe do UNICEF (UNICEF LACRO), com o apoio da Education Cannot Wait, autoridades dos ministérios da educação do Brasil, Colômbia, Equador e Peru, bem como representantes do UNICEF, da UNESCO e da sociedade civil ligados à educação, reuniram-se para refletir sobre políticas de inclusão educacional da população migrante venezuelana.